quarta-feira, maio 25, 2011

Prodígio da cor

Confesso que vi várias vezês o vídeo afim de escrever algo que não fôsse parecido com aquelas frases feitas pelos analistas das artes ,principalmente as que se referem às obras de pintura.

Após estar como que hipnotizado , me deixei levar à uma viagem a este pequeno cérebro e este me levou a caminhos de desejos , de vontades , de prazeres , de descompromissos , enfim , de liberdade.

Aelita Andre , de 4 anos , se lambuzando , lambuzou minha alma de tinta e de paixão.
Numa pintura aleatória , ela parece soltar seus pensamentona na tela , exprimindo suas alegrias.

Por tudo isso , ou mais , Aelita Andre fará sua primeira mostra individual em Nova York, em 04 de junho , na Agora Gallery.


Um comentário:

Helder Biet disse...

Confesso , não entendo nada de pintura mas de boa colocaria um quadro dessa pentelha na sala de casa.