segunda-feira, dezembro 14, 2009

14 dicas para viajar com o seu pet neste final de ano

Fim de ano chegando, feriado prolongado, férias, etc… é tempo de você viajar e se divertir junto com o seu pet, mas para isso são necessários alguns cuidados, vamos ver a seguir algumas dicas para que você e o seu pet possam curtir tudo de bom que as viagens de final de ano pode proporcionar.
1 – Seu cão deve ficar sem comer quatro horas antes da viagem, beber água somente até uma hora antes. Se for gato deve ficar sem comer duas horas antes da viagem.

2 – Se o seu pet não tem o costume de andar de carro dê voltas com ele antes de viajar para que ele se familiarize com os movimentos e barulhos do carro, dessa forma seu animal terá uma experiência menos traumática.

3 – Não deixe o seu animal solto e muito menos com a cabeça para fora do carro, independente do tipo ou porte do animal, isso evita acidentes por distração do motorista.

4 – Durante a viagem não alimente seu pet, isso poderá enjoá-lo e consequentemente fazer mal a ele e sujar seu carro.

5 – Para animais que necessitem de vacinas, é obrigatório que a carteira de vacinação e uma guia de trânsito emitida por um veterinário sejam levadas.

6 – Faça paradas a cada hora para as necessidades fisiológicas e hidratação.

7 – Durante as paradas, ou pipi stop, nunca deixe seu pet solto, em hipótese alguma, evite riscos de atropelamentos ou acidentes.

8 – Se necessário peça ao seu veterinário que receite um calmante natural para que seu pet tenha uma viagem mais tranquila.

9 – Se usar ar-condicionado a temperatura deve ficar próxima a temperatura ambiente.

10 – Para que o seu pet se sinta mais a vontade leve seus objetos favoritos junto com ele, seu cobertor ou almofada, etc.

11 – Para aves, dê calmantes antes da viagem e mantenha a gaiola coberta, as aves costumam ser mais sensíveis a mudanças de ambiente e temperatura.

12 – O uso de fraldas veterinárias pode evitar experiências mal cheirosas e desagradáveis.

13 – Leve tudo o que seu animal precisa, comida, produtos e dependendo do lugar leve até a água dele, evite surpresas desagradáveis ao não encontrar no comércio local os produtos que o seu pet está habituado.

14 – Lembre-se sempre da fragilidade do seu pet.

(Blog Pet Rede)

Nenhum comentário: