quinta-feira, agosto 20, 2009

Saúde pública recebe apoio de novo projeto em MG

Projeto Brinquedoteca Móvel, que leva para os hospitais da rede pública mais do que diversão e entretenimento às crianças. Considerado uma importante ferramenta para o tratamento e saúde mental dos pacientes, o projeto começa com 120 unidades.

Versátil, projeto pode ser utilizado por crianças de até 14 anos e também pode auxiliar em creches e escolas.

Nos hospitais da rede pública de Minas Gerais, mais do que diversão, os brinquedos se tornaram instrumento no auxílio à recuperação de crianças. Desde 2007, o Projeto Brinquedoteca Hospitalar, desenvolvido pelo Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas) em parceria com o Governo de Minas Gerais (Blog do Governo de Minas Gerais ), vem contribuindo com tratamento de centenas de crianças atraves de suas unidades fixas, equipadas com brinquedos, aparelhos eletrônicos, livros e revistas, para crianças de até 14 anos.

Para ampliar sua atuação, foi inaugurado na última segunda-feira (17) o projeto da Brinquedoteca Móvel. Com 1,40 m de altura e 0,6 m de profundidade elas poderão ser deslocadas entre os hospitais. Cada Brinquedoteca Móvel é composta por dois módulos articulados, nos quais são armazenados 96 itens. Durante a solenidade de apresentação do projeto Aécio Neves, governador de Minas, e Andrea Neves, presidente da Servas, entregaram 120 unidades para hospitais que são beneficiados pela parceria.





Ambos também fizeram questão de enfatizar dois aspectos: a possibilidade de qualquer interessado ajudar os hospitais e ao fato de que os objetos presentes nas unidades são de extrema importância para o desenvolvimento do tratamento e para saúde mental das crianças. "Muitas vezes as pessoas querem ajudar e não sabem como. Fica aí a inspiração. Esse projeto ‘Made in Minas’ traz a marca da solidariedade", afirmou o governador mineiro em seu discurso no Palácio da Liberdade.

A utilização das brinquedotecas, por fim, não se limita apenas aos tratamentos em hospitais. Seu desenvolvimento foi feito para que escolas e creches do estado também possam utilizá-las. A prioridade, no entanto, é fazer com que grande parte dos hospitais conte com elas, como frisou a presidente do Servas. “Hoje estão sendo entregues as primeiras 120 Brinquedotecas e espero que todos os hospitais possam contar com um módulo desses", disse Andréa Neves durante seu discurso.

Veja o video


Fotos Flickr

Nenhum comentário: