quarta-feira, junho 17, 2009

Museu da Corrupção. O Brasil precisa de memória!


Museu Virtual da Corrupção Online, que visa lembrar os escândalos políticos que marcaram a história do País. O espaço pretende fazer com que o internauta reflita, a partir da mostra dos atos de corrupção ocorridos desde a década de 1970, num primeiro momento. A proposta, porém, é a de recuar no tempo até a época do Brasil colônia. O internauta encontrará no Museu, a completa relação dos escândalos políticos desde de os anos 1970 e grande parte das ações realizadas pela Polícia Federal (PF) durante os últimos 39 anos. Haverá também uma seção com sugestões de links sobre o tema e outra com publicações recomendadas sobre o assunto.
O Museu precisa existir para que casos "escabrosos" não caiam no ostracismo. Esses assuntos são esquecidos e não existe memória sobre isso, algo que fosse tão vivo quanto os nossos escândalos. Por isso, nada melhor que reunir toda a história em um só lugar. Os arquivos abrigados no Museu, servirão de referência nas próximas eleições para consultas, que o site sirva de referência para a escolha de candidatos nas próximas eleições. O passeio pela história das falcatruas da política nacional termina em uma lojinha de souvenires, onde o visitante encontra "lembranças" dos episódios de corrupção como camisetas, algemas, aparelhos de escuta, além, é claro, da conhecida "cueca para o transporte de dólares", peça íntima que caiu nas graças da opinião pública durante o Mensalão.
Ainda nos próximos meses, serão criadas uma sala de "charges", uma linha do tempo ilustrada, além de uma área destaque para o escândalo do momento. O jornal estuda também a criação de um Wiki em que os leitores poderão enviar informações e contribuições sobre o tema. No entanto, o internauta já pode participar comentando o conteúdo do Museu.

Realmente é uma viagem por todos os golpes de corrupção dos últimos 25 anos aqui no Brasil...
É realmente pra refrescar a memória.....Cora Brastel lembram-se? E outros flash backs.

Museu Virtual da Corrupção Online

Nenhum comentário: