quarta-feira, junho 24, 2009

E como fica aquele corpinho de verão no inverno?

O fato de a temperatura ambiente ser menor que a de nosso corpo, faz com que o organismo gaste mais energia para se manter aquecido. No inverno, o organismo necessita de mais calorias, pois o gasto para manter a temperatura corporal constante é muito grande. Quando nos arrepiamos, por exemplo, é um sistema de defesa e regulação de temperatura.

Ou seja, a tradicional preguiça da estação vem aliada a outros fatores que podem comprometer a malhação do resto do ano. Portanto, para evitar os quilos a mais, a melhor opção é continuar fazendo exercícios com o ritmo do verão, por mais difícil que isso pareça. A solução é simples. Basta disposição.

O doce sabor do inverno

Caminhadas que antes eram feitas em parques, ou outro tipo de lugar aberto, podem ser trocadas pela esteira ou bicicleta ergométrica. Se você costumava praticar algum tipo de esporte ao ar livre, academias ou quadras cobertas de clubes são algumas opções.

Maneirar na alimentação também é fundamental. Abaixo algumas dicas para driblar a preguiça e os quilos a mais do inverno:

►Sopas com cremes, foundes de queijo, feijoada e chocolate quente são típicos de inverno, mas fique alerta à quantidade, pois as calorias já são naturalmente altas.

► Se as sopas forem feitas com macarrão, batata ou arroz, as torradas estão dispensadas do acompanhamento.

► Abuse das sopas de legumes no jantar. Elas podem ser preparadas à base de vegetais e legumes cozidos. As folhas como agrião, espinafre e repolho podem ser base para os tipos mais leves. Use ervas para dar o sabor final e cenoura para dar consistência mais grossa.

► Aproveite que o organismo gasta mais energia para manter a temperatura corpórea e aumente a ingestão de lanches durante o dia. Não fique longos períodos sem comer e diminua o intervalo entre as refeições, fazendo pequenos lanches.

► Continue, como no verão, com uma boa ingestão de líquidos. É claro que a vontade diminui, mas você pode optar por chás para esquentar o corpo.

► Troque o chocolate quente normal pela versão light, com leite desnatado e achocolatado light, ou ainda, substitua por chás.

► As massas com molhos brancos ou muito elaborados, geralmente são muito calóricas. Para reduzir calorias, troque por massas com molho simples de tomate. Uma boa opção para o molho branco é prepará-lo com leite desnatado e farinhas engrossantes.

► Já existem no mercado as versões light para foundes, que também são boas opções para reduzir calorias.

► Lembre-se que o alimento mesmo na versão light deve se consumido moderadamente. Não é porque tem menos calorias que se pode comer o dobro.

► Inicie a refeição por um legume cozido ou verdura refogada, para saciar e aquecer, reduzindo assim a necessidade de alimentos mais calóricos.

Friozinho e vontade de doces; aproveite mas sem exagerar nas calorias

Chocolate amargo

Para quem não deixa o chocolate de lado, o amargo é uma excelente opção, pois é rico em flavonóides que têm poder antioxidante, ou seja, combatem os radicais livres - moléculas tóxicas que comprometem o bom funcionamento do organismo e impedem o depósito de placas gordurosas nas artérias, causadoras de infarto e derrame e polifenóis. Além disso, a ingestão de flavonóides se mostrou eficaz no combate à hipertensão, um dos principais fatores de risco para as doenças cardiovasculares.

Banana quente com canela

Para quem gosta de frutas, a banana é uma ótima opção. Considerada uma das principais fontes de amido na dieta dos trópicos, é consumida normalmente cozida quando ainda verde. A análise da composição química comprova que a banana não é somente rica em carboidratos e energia, mas possui também elevadas proporções de minerais e vitaminas.

Aquecer a banana e adicionar canela é uma ótima combinação, pois a banana possui triptofano que é precursor do neurotransmissor serotonina, responsável pelo bem-estar e pela saciedade, e com o aquecimento a reação é potencializada.

Fondue de chocolate amargo

Calda espessa de chocolate amargo servido em temperatura branda com espetinhos de morango, manga e uva, geléia de pimenta ou gengibre.

Fonte: Minha Vida
Imagens:Google

Nenhum comentário: