quarta-feira, novembro 26, 2008

Equipe de resgate do Rio segue para Santa Catarina


Uma equipe de policiais militares do Rio de Janeiro especializada em resgates embarcou nesta manhã para Santa Catarina. Eles vão auxiliar as vítimas das fortes chuvas que causaram enchentes e desabamentos, em diversos locais do Estado. A Defesa Civil de Santa Catarina confirmou, às 9h, que permanece a contabilidade de 84 mortes e 1,5 milhão de afetados pelas chuvas que atingem o Estado.

Dois paramédicos e um policial especializado em resgates, levam também equipamento especial para auxiliar nos trabalhos. Um helicóptero partiu nas primeiras horas levando o grupo e o equipamento.

Segundo a Defesa Civil catarinense, 54.039 pessoas ficaram desalojadas e desabrigadas, sendo 22.952 desabrigadas e 31.087 desalojadas. Oito cidades estão isoladas: São Bonifácio, Luiz Alves, São João Batista, Rio dos Cedros, Garuva, Pomerode, Itapoá e Benedito Novo.

Seis cidades decretaram estado de calamidade pública: Gaspar, Rio dos Cedros, Nova Trento, Camboriú, Benedito Novo e Pomerode. Outras sete estão em situação de emergência: Balneário de Piçarras, Canelinha, Indaial, Penha, Paulo Lopes, Presidente Getúlio e Rancho Queimado.

O Dia

Um comentário:

Paulo Tamburro disse...

É muito triste,isto tudo!