quinta-feira, julho 24, 2008

Sexo para manter a forma



Sabe aqueles dias em que simplesmente não queremos ir à academia para malhar porque o tempo está curto ou o dia está cinzento, ou porque aquela amiga que sempre nos acompanha nos deixou na mão? Fique na cama! Ou melhor: na cama, no sofá, no chuveiro...

Você talvez nunca tenha pensado nisso, mas o sexo pode fazer milagres pelo seu corpo. Com um gasto calórico de até 900 calorias por hora (número que varia bastante), ele equivale a uma atividade aeróbica intensa e ajuda a manter o peso e a saúde de forma prazerosa.

Para começar, uma relação sexual com um namorado ou marido envolve mais do que o simples exercício físico: a auto estima melhora muito quando há intimidade na relação e pessoas com boa auto-estima acabam se cuidando melhor. É por isso que sempre comentam que uma pessoa apaixonada fica mais bonita.

Recentemente na Inglaterra, um fato curioso mostrou o quanto o sexo pode ser bom para a saúde: o serviço de saúde pública começou a incentivar o “sexercise” como forma de prevenir problemas cardíacos. De acordo com o personal trainer e educador físico José Alexandre Filho, o sexo estimula a irrigação sangüínea para o coração e melhora a oxigenação dos órgãos, reduzindo o risco de doenças cardio-vasculares.

Mas não é só o coração que agradece. A relação sexual libera hormônios que mexem com as nossas sensações e também com nosso corpo. A testosterona e o estrógeno, liberados em maior quantidade durante a relação, favorecem o desenvolvimento dos músculos e o consumo de gordura corporal, além de dar aquela disposição necessária ao exercício. A adrenalina, mesmo hormônio liberado em esportes de aventura, favorece a oxigenação e aumenta a freqüência cardíaca, deixando a pessoa mais energizada.

Não é à toa que o sexo é sempre comparado ao chocolate. Ambos estimulam a produção de serotonina, que é o hormônio da felicidade e do bom humor, e da endorfina, ligada ao prazer e ao bem-estar. Esses hormônios também ajudam a aumentar a resistência física, combater radicais livres, melhorar o sistema imunológico e aliviar dores.

Além de todos esses benefícios, há um grande esforço muscular envolvido, o que torna o sexo uma atividade completa. Nas palavras do personal trainer, “Fazer sexo desenvolve força, resistência e flexibilidade. Fortalece músculos abdominais e lombares, dos braços, peitorais e dorsais, e das pernas”, diz. Parece uma ótima opção para o frio, não?

Isso tudo não significa que a academia ou as corridas no parque possam ser deixados de lado. Cada atividade física tem um efeito importante no corpo, e trabalha um grupo muscular específico. O sexo é um ótimo complemento, e já foi comprovado que ele melhora o desempenho nos treinos, assim como um exercício físico regular melhora a prática sexual. É a combinação perfeita para manter a saúde e cuidar do corpo. Sempre com segurança, é claro.


do site da Cristiana Arcangeli

Um comentário:

Enio Luiz Vedovello disse...

Eba!!!! Nada como poder dispensar a academia e ainda manter a forma...