quarta-feira, dezembro 19, 2007

Já não se fazem idosos como antigamente


Como diz Antonio Carlos Braga, fundador do Age, primeiro centro dedicado ao envelhecimento ativo do Brasil, precisamos urgentemente rever nosso conceito de idoso. É justo continuarmos dizendo que alguém que completa 60 anos de idade ingressa nessa categoria?

Basta ver a capa da Rolling Stone americana deste mês (na foto) para perceber que já não se fazem idosos como antigamente: os integrantes do Led Zeppelin, todos na faixa de 59 a 64, se preparam para uma nova turnê que deverá ser um dos maiores - se não o maior - fenômeno do mundo da música mundial em 2008. Realmente, como dizem os gringos, para quem envelhece ativamente "sixty is the new forty".

Ou seria melhor dizer "sixty is the new thirty"?

Nenhum comentário: