quarta-feira, outubro 31, 2007

Expressões Idiomáticas Inexpressivas

AMIGO PESSOAL - Só existe amigo pessoal. Ainda não inventaram o amigo “impessoal”. Se não for amigo mesmo (pessoal), chame de colega, cliente, fã, parente, simpatizante, conhecido, “chegado” etc.

ORÇAMENTO SEM COMPROMISSO - Todo orçamento é sem compromisso. Se fosse com compromisso, não seria orçamento, mas já a própria compra.

TELEFONE DE CONTATO - Se você tem um telefone de contato, você não é nenhum privilegiado, pois todo telefone é de contato. Na época atual todo mundo tem telefone (de contato), porém nem todos têm contato com o dinheiro para pagar a conta dele.

DUAS ÚNICAS APRESENTAÇÕES - Tem dó, né! Se são duas, não são únicas (”única” vem de “um”). Se é única, não são duas. Apenas duas apresentações e estamos conversados.

TRABALHA COM CHEQUE - “Você trabalha com cheque?”, pergunta o vendedor, querendo lhe empurrar o duvidoso produto a ser pago em cinco “suaves” prestações, mediante “pré- datados” (outra coisa que não existe é “pré-datado”). Trabalha com cheque não, meu! Trabalha com chefe, com computador, telefone, calculadora, lápis, livro, giz, caderno, caneta, borracha, papel, produto, carro, e-mail, cafezinho etc. A gente usa cheque, emite cheque, mas não “trabalha” com cheque. O máximo que dá para aceitar é que trabalhamos PORTANDO cheque(s).

JOGOS DE IDA E VOLTA - Essa é demais: “O Cruzeiro faz hoje em BH o jogo de ida pelas finais…”. Jogo de ida de quem? O Cruzeiro é de BH e joga em BH Quem está indo? Se for o adversário de outra cidade, ele não está indo, está vindo. É mais uma invenção esdrúxula da crônica esportiva. Só pode ser coisa do Galvão Bueno…

ELE NÃO TEM NADA NA CABEÇA, POIS SÓ PENSA “NAQUILO” - O certo é: ele só tem “aquilo” na cabeça.

SÃO MEIO-DIA - Mais um santo na praça! Essa é absolutamente ridícula, mas o povão insiste em que na hora do almoço “são” meio-dia. O plural é só pra mais de um, nunca para a metade de um. Haja santa paciência!

VAMOS ESTAR FAZENDO, VAMOS ESTAR OLHANDO, VAMOS ESTAR PROVIDENCIANDO ETC. - Para que usar três verbos, se a parcimônia é possível: faremos, olharemos, providenciaremos etc. Além do mais, gerúndio no futuro é, no mínimo, suspeitíssimo…

HAJA CORAÇÃO ! - Sem chance, Galvão. No jogo Brasil x Inglaterra, entre outros, o Brasil não correu nenhum risco, a não ser na jogada em que nossa defesa entregou um gol “de graça”. O time deles só! tem marketing. Não joga quase nada. E você falando que estava DRAMÁAAATICO. Haja saco! Impeachment “nocê”, Galvão. Bom é o Sílvio Luiz, que quando o jogo está sem graça (quase sempre), fica conversando fiado…

FEIA(O) DE ROSTO, MAS BONITA(O) DE CORPO - Uai! Então quer dizer que rosto não é corpo?! O certo é: feia(o) de rosto, mas bonita(o) de resto.

PERDI MEU VOTO - O sujeito vota no candidato derrotado e diz que perdeu o voto… Quem sabe o TRE o encontra lá dentro da urna eletrônica e devolve para o pobre eleitor. Tem dó, cidadão! Quem perdeu foi o seu candidato, e não você.

ELE(A) TEM PROBLEMA - Estamos diante de uma pessoa com graves transtornos emocionais ou neurológicos e alguém diz que ele(a) tem “problema”. É preciso ser mais específico. Problema todo mundo tem. Se fosse para prevenir alguém de que outro (improvável) alguém é singular, completamente diferente e certamente nos surpreenderá, ! deveríamos dizer: ele(a) NÃO tem problema.


desconheço a autoria (via e-mail)


2 comentários:

Enio Luiz Vedovello disse...

Um dos meus dois trabalhos principais (fora "bicos" e blog) é em um banco, no setor de compensação de cheques. Então, acho que sou uma das pouquíssimas pessoas que podem dizer que realmente trabalha COM cheques.

JONNHY-FOTOS-IMAGENS-INFORMAÇÕES-COTIDIANO disse...

MARY NAO DÁ PRA ACERTAR AS HORAS ?

O HORÁRIO DE VERÃO !! "HORA CERTA " ?