sexta-feira, setembro 28, 2007

Pra descontrair

No consultório, o paciente com hepatite C pergunta:
- Doutor, o senhor acha que eu tenho chances de viver até os cem anos?
- Você fuma? - pergunta o médico.
- Nunca fumei.
- Bebe?
- Detesto bebida.
- E a sua alimentação? Como é?
- Bom, eu sempre evitei gorduras e não como carne.
- O senhor joga, dirige carros em alta velocidade, sai com mulheres?
- Não, doutor. Não costumo fazer nada disso.
O médico fica pensativo, analisando o caso e alguns momentos depois:
- Diz pra mim. O senhor quer viver até os cem anos pra quê?

**************************

Dois brasileiros estão andando pelo cais do porto, em Lisboa, quando vêem uma placa: Ternos 10 euros, Camisas 2 euros e calças, 5 euros. O primeiro vira para o segundo e diz:
- É muito barato, nós podemos comprar várias peças e levar para o Brasil para revender. Vamos ganhar uma fortuna!
O segundo concorda e completa:
- Vamos lá. Mas deixe que eu falo, pois meu pai é português e eu sei imitar o sotaque. Se eles perceberem que somos brasileiros não vão querer vender para nós.

Os dois entram na loja e pedem 50 ternos, 100 camisas e 100 calças, com sotaque perfeito. A atendente diz:
- Vocês são brasileiros, não são?
Espantado, o filho do português diz:
- Como você descobriu?
E a mulher:
- Porque aqui é uma lavanderia.

*****************************

Numa escola pública estava ocorrendo uma situação inusitada: uma turma de meninas de 12 anos que usava batom todos os dias removia o excesso beijando o espelho do banheiro.

O diretor andava bastante aborrecido, porque o zelador tinha um trabalho enorme para limpar o espelho ao final do dia. Mas, como sempre, na tarde seguinte, lá estavam as mesmas marcas de batom.

Chegou a chamar a atenção delas por quase 2 meses, e nada mudou, todos os dias acontecia a mesma coisa….

Um dia o diretor juntou as meninas e o zelador no banheiro, e explicou pacientemente que era muito complicado limpar o espelho com todas aquelas marcas que elas faziam.

Depois de uma hora falando, e elas com cara de deboche, o diretor pediu ao zelador “para demonstrar a dificuldade do trabalho”. O zelador imediatamente pegou um pano, molhou no vaso sanitário e passou no espelho.

Nunca mais apareceram marcas no espelho!!!!

“Há professores e há educadores”

Nenhum comentário: